,

Como faço para sacar o saque-aniversário? Grupo tem direito a receber este ano

16/12/2023

0
FavoritarFavoritar artigo0

Como faço para sacar o saque-aniversário? Quem ainda pode aproveitar o recurso do FGTS ainda este ano? As respostas que precisa.

Publicidade

Como faço para sacar o saque-aniversário – O FGTS oferece aos trabalhadores uma alternativa interessante: o saque-aniversário.

Diferente do tradicional, que libera o saldo apenas em casos específicos, essa modalidade permite retiradas anuais, mas com algumas particularidades que é importante compreender.

Inclusive, ainda neste fim de 2023, um grupo específico de trabalhadores tem o direito ao saque. Entenda mais sobre isso e como realizar o saque.

Veja ainda:

Como faço para sacar o saque-aniversário? Os que ainda podem aproveitar este ano

Todos os trabalhadores com carteira registrada e dinheiro no FGTS podem, por sua vez, optar pelo saque-aniversário no mês de seu aniversário. Já aqueles que não fizeram nenhuma opção, não recebem o pagamento anual.

A modalidade de saque oferece a possibilidade de retirar uma parte de seus fundos uma vez por ano, no mês do seu aniversário.

Afastando-se, portanto, da abordagem convencional, na qual o saldo fica disponível somente em casos de demissão sem justa causa ou aposentadoria, por exemplo, essa opção permite que o trabalhador opte por retiradas anuais.

Contudo, é essencial destacar que ao escolher essa modalidade, o trabalhador abre mão do direito de efetuar um saque total em situações de demissão sem justa causa.

A boa notícia, por sua vez, é que a multa rescisória de 40% continua assegurada.

Quem Ainda Pode Garantir Seu Saque Este Ano?

Nascidos nos meses de outubro, novembro e dezembro que optaram pelo saque anual do FGTS (e ainda não realizaram o saque) têm a oportunidade de acessar esses recursos.

Inclusive, aqueles que nasceram em dezembro e não escolheram o saque-aniversário podem se inscrever até o final do mês, assegurando o recebimento dos valores ainda em 2023.

A disponibilidade do saque-aniversário segue o calendário estabelecido pelo FGTS. Cada trabalhador tem o direito de resgatar uma porcentagem do fundo, além de uma parcela fixa.

Esses valores tornam-se disponíveis a partir de uma data pré-determinada, embora a retirada não seja obrigatória. 

Caso o trabalhador não efetue o saque dentro de um prazo determinado, a parcela retornará para sua reserva no FGTS.

Confira abaixo o calendário restante do saque-aniversário ainda em 2023, de acordo com o mês de aniversário do trabalhador e o prazo para efetuar o saque:

  • Outubro: de 2 de outubro a 29 de dezembro de 2023
  • Novembro: de 1 de novembro de 2023 a 31 de janeiro de 2024
  • Dezembro: de 1 de dezembro de 2023 a 29 de fevereiro de 2024

Como faço para sacar o saque-aniversário: Passo a Passo para Garantir Seus Recursos

Para aderir à modalidade e sacar o saque-aniversário, o profissional deve seguir esses passos:

1 – Cadastro no Aplicativo FGTS:

    • Baixe o aplicativo FGTS, disponível para Android e iOS.
    • No primeiro acesso, preencha todos os dados solicitados: CPF, nome completo, data de nascimento, e-mail e crie uma senha com seis dígitos.

2 – Confirmação por E-mail:

    • Após o preenchimento, confirme seu cadastro por e-mail. Acesse sua caixa de entrada, clique no link enviado para confirmação.

3 – Acesso ao Aplicativo:

    • No aplicativo, insira seu CPF e a senha de seis dígitos.
    • Responda algumas perguntas adicionais sobre sua trajetória profissional.

4 – Configuração de Saque-Aniversário:

    • Com o acesso liberado, vá para a seção “Meus Saques”.
    • Escolha a opção “Saque-Aniversário”.
    • Leia atentamente os termos e concorde para confirmar a adesão.

5 – Consulta e Solicitação de Saque:

    • Na aba seguinte, consulte os valores já liberados.
    • Solicite o saque, fornecendo os dados de uma conta de sua titularidade em qualquer banco.
    • O valor estará disponível em sua conta após 5 dias úteis.

A solicitação do benefício anual do FGTS deve ser realizada até o último dia do mês de nascimento do trabalhador para, assim, receber o valor no mesmo ano em que optou pela modalidade.

Caso o cadastro seja efetuado após esse período, o saque só estará disponível no ano seguinte à solicitação.

Importante relembrar, que não é obrigatório aderir a essa modalidade de pagamento.

Veja ainda:

Avatar de Ana Follmann

Assim como Caetano Veloso, sou uma otimista por determinação. Formada em Direito pela UFPR, especializada em Direito do Trabalho e produtora de conteúdo desde 2018 em nichos diversos e que aguçam minha curiosidade. Também tenho Contato profissional que é: [email protected]

Comente abaixo o que você achou do artigo!

Notícias Rápidas

CPF bloqueado por dívida: É possível? Como saber se tenho direito ao PIS? Como saber se meu título de eleitor está regular? Consultar CNIS pelo CPF O que é carta de crédito Financiar veículo pelo CNPJ MEI Auxílio Natalidade CRAS Se eu excluir a Caixinha do Nubank o dinheiro volta? Saque de benefício após falecimento Onde cai o saque-aniversário Saldo bloqueado Caixa Tem Auxílio maternidade para desempregada Como sacar benefício do INSS Documentos necessários para assinar carteira de trabalho Quem recebe Bolsa Família pode fazer empréstimo na Caixa Econômica Conta poupança pode ter pix? Como ganhar livros físicos de graça? Como fazer Cadastro Único? Golpe Boleto! Motivos Demissão Justa Causa